domingo, dezembro 31, 2006

PAZ A TODOS OS SERES!

Desejo a todos um 2007 com:


Um Equilíbrio perfeito,
E uma Simpatia irradiante.
Um Amor Cristalino,
E uma Alegria contagiante.

Uma Pureza imaculada,
E uma Perseverança robusta.
Uma Coragem inabalável,
E uma Harmonia absoluta.

Uma Humildade intacta,
E uma Rectidão imortalizada.
Uma Compaixão global,
E a Verdade sempre preservada.


Paz a Todos os Seres!
Jorge Moreira, Dezembro de 2006

9 comentários:

Desambientado disse...

Fantástico. Já tinha saudades.

Venho-te agradecer a partilha em 2006 e desejar que 2007 seja o ano da concretização de todos os teus sonhos.

Um abraço.
Félix

joao firmino disse...

Faço minhas as palavras do anterior comentado.

Obrigado pelas tuas dádivas do ano anterior (e que muitos custos te terão causado). E que em 2007 encontres o equilíbrio entre aquilo que és e tens que ser e o que na verdade consegies ter disponibilidade e força para dar.

Um grande abraço,

João

Isabel José António disse...

Querido Jorge,

Estamos finalmente de volta, embora ainda com algumas dificuldades.
No nosso blogue, não conseguimos dar espaços entre as frases!

Estranho, neste começo do sétimo ano deste milénio...

Um abraço enorme e passa palavra que voltámos!

Isabel e José António

aprendiz de viajante disse...

Desejamos o mesmo... Paz, muita paz... o resto vamos gerindo no dia à dia.

Um bjo

Cleopatra disse...

Ora viva! Gostei!
Estás de volta.
Onde andaste?

Mirmidão disse...

Estou de regresso a estas lides.
Para ti o meu @bração de sempre

O Mirmidão

Pink disse...

Belo este poema de PAZ!

Um óptimo 2007 para ti também.

Beijo muito pink :-))

Gi disse...

Já vi que tenho aqui muito por onde me entreter. Obrigada Jorge, mal tenha um tempinho livre vou actualizar os links e acrescentar o seu.
Tenha um óptimo Domingo, ou melhor para inaugurar o meu comentário fica aqui o Voto de um Bom Ano!

Misterious_Spirit disse...

Este poema está lindíssimo!!!!!!!!!
Esses também são os meus desejos para toda a humanidade!

Muitos beijinhos!